Category Archives: dois conto

coming soon

em belém, o lançamento ocorre durante a abertura da semana do trânsito, no hangar, a partir das 11h do dia 18 de setembro, quinta. se liga no projeto não foi acidente. “Minha mãe ficou desfigurada. Sem pálpebras, sem dentes, mal … Continue reading

Posted in coletâneas & agremiações, dois conto, inéditos | Comments Off on coming soon

“Não dá pra simplesmente estacionar um barco no acostamento e esperar a tempestade passar”

Não sabia quando parti, mas minha meta sempre foi desacreditar de vez na humanidade. Um mais incauto perguntaria: e precisava sair do sofá pra isso? Fosse outro sofá, não. Não precisaria. O problema morava no cheiro do sofá. No cheiro … Continue reading

Posted in articulices caquéticas, dois conto | Comments Off on “Não dá pra simplesmente estacionar um barco no acostamento e esperar a tempestade passar”

filha de uma puta virgem sob a mira de uma crista-de-galo em eclosão

não entendeu nada quando viu a pequena entrar pelo portão principal daquele jeito como fazia tanto não a via, toda borrada de vermelho, pichada de vermelho e toda picada, carcomida pelas beiradas, miolo cuspido tão fora da órbita dos olhos … Continue reading

Posted in bagagem, dois conto | Comments Off on filha de uma puta virgem sob a mira de uma crista-de-galo em eclosão

a terceira edição da Revista Rosa está no ar. entre outros: Laerte, Wilson Bueno, Marcelino Freire… e eu. com um conto recauchutado, aluga-se mártires [sic]. desabroche-se.

Posted in dois conto, participações | Comments Off on