Category Archives: versos fandangos

revista sábado [PT]

“Por isso é de saudar a edição de Naquela Língua, antologia de 18 poetas brasileiros novíssimos, nascidos entre 1974 e 1990, muitos deles com livros editados pela 7Letras e pela Oficina Raquel, editoras de referência do Rio de Janeiro. […] … Continue reading

Posted in clipping, versos fandangos

ESTRAGO

uma revista editada por Paulo Scott e Fabio Zimbres, por si, já mereceria a pecha de “publicação literária mais importante da atualidade”. mas esperei pra ler a edição número um da ESTRAGO (no rabo da 000) e tirar minhas conclusões. … Continue reading

Posted in all real, blissett, inéditos, papo-furado, versos fandangos

eu, otimista

Fizemos, até agora, duas colheitas dessas flores rubras irrompendo do asfalto. Da safra mais recente, releio muitas vezes, quando atravesso a rua, o verso do brasileiro Caco Ishak, «Deixei que o sol nascesse em mim», que descreve perfeitamente o pacto … Continue reading

Posted in clipping, versos fandangos

naquela língua

há poucos dias, foi lançada a antologia “Naquela Língua” da qual tive a felicidade de participar a convite de Tito Couto e Francisco José Viegas, debutando pra lá do atlântico ao lado de baitas e queridos poetas. felicidade ainda maior … Continue reading

Posted in coletâneas & agremiações, participações, versos fandangos

poesia agora

bom demais esse projeto. agradeço o convite de lucas viriato e yassu noguchi.  

Posted in participações, versos fandangos

punto rojo

achar as palavras de outro idioma pra definir o que não se sabe dizer nem mesmo em nossa língua-mãe falta colo quem coloque na cama dê de mamar forasteiro em seu próprio país a autoficção já não basta quando passa-se … Continue reading

Posted in inéditos, versos fandangos

somos nós

não conheço a Elisa Arruda pessoalmente, sei que sou fã da série Essa é você. agora, posso me gabar de ter um verso tatuado numa de suas mujeres. só tenho a agradecer. lindão. .:. e temos nova tradução em andamento. … Continue reading

Posted in inéditos, participações, releituras, versos fandangos